Especialista no desenvolvimento de tapetes de ioga tpe há mais de 20 anos.

Língua
NOTÍCIAS
RV

Anti-epidemia! Reunião de Louvor por Iniciar a Luta Contra a Epidemia na Hora certa! | PAIDU

dezembro 25, 2020

BREVE INTRODUÇÃO

A nova pneumonia por coronavírus, referida como "pneumonia por novo coronavírus", denominada "doença por coronavírus de 2019" pela Organização Mundial da Saúde, refere-se à pneumonia causada pela nova infecção por coronavírus de 2019.Desde dezembro de 2019, alguns hospitais em Wuhan, província de Hubei, têm encontraram sucessivamente uma série de casos de pneumonia de causa desconhecida com histórico de exposição ao mercado de frutos do mar do Sul da China, que foram confirmados como doenças infecciosas respiratórias agudas causadas pela nova infecção por coronavírus de 2019.

Em 11 de fevereiro de 2020, o Diretor-Geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, anunciou em Genebra, Suíça, que a pneumonia causada pelo novo coronavírus foi denominada "COVID-19". Em 22 de fevereiro, o NHC emitiu um aviso informando que o nome em inglês de "nova pneumonia por coronavírus" foi revisado para "COVID-19". Em 11 de março, a Organização Mundial da Saúde (OMS) concluiu que o atual surto de COVID-19 pode ser chamado de pandemia global. A China realizou um Dia Nacional de Luto em 4 de abril. Em 18 de agosto, a Comissão Nacional de Saúde revisou e concluiu o protocolo de diagnóstico e tratamento da pneumonia pelo novo coronavírus (versão experimental 8). Em 3 de setembro, os copresidentes do Grupo de Peritos da OMS sobre Avaliação da Resposta à COVID-19 anunciaram a lista de membros do grupo de peritos num briefing dos Estados membros, e Zhong Nanshan foi selecionado.

Em 24 de setembro de 2022, o site Lianhe Zaobao de Cingapura informou que o Diretor-Geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus, apontou que ainda há um longo caminho a percorrer antes que a epidemia de COVID-19 seja declarada encerrada.

CARACTERÍSTICAS DO VÍRUS


Patogênese

De acordo com os dados de casos disponíveis, as principais manifestações da pneumonia pelo novo coronavírus são febre, tosse seca e fadiga, e um pequeno número de pacientes apresenta sintomas do trato respiratório superior e digestivo, como congestão nasal, coriza e diarreia. A maioria dos casos graves desenvolveu dispneia após 1 semana, e os casos graves progrediram rapidamente para síndrome do desconforto respiratório agudo, choque séptico, acidose metabólica de difícil correção e disfunção de coagulação e falência de múltiplos órgãos. Vale ressaltar que pacientes graves e críticos podem apresentar febre moderada e baixa durante o curso da doença, ou mesmo nenhuma febre evidente. Pacientes leves apresentaram apenas febre baixa, leve fadiga e sem pneumonia. De acordo com a situação dos casos internados atualmente, a maioria dos pacientes tem bom prognóstico e alguns pacientes estão em estado crítico. O prognóstico é pior para os idosos e aqueles com doenças crónicas subjacentes. As crianças apresentam sintomas relativamente leves.


Características da epidemia

Em 11 de Março de 2020, o Director-Geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse que o surto de COVID-19 assumiu as características de uma pandemia.

Falando numa conferência de imprensa regular em Genebra, Tedros disse que a extensão e a gravidade do surto eram profundamente preocupantes, “por isso avaliamos que a situação da COVID-19 assumiu as características de uma pandemia”. Ele disse: “Nunca vimos uma pandemia causada por um coronavírus antes. Nunca vimos uma pandemia controlada antes”. Ele sublinhou que descrever o surto como uma “pandemia” não altera a avaliação da OMS sobre a sua ameaça, “não muda o que a OMS está a fazer e não muda o que os países deveriam estar a fazer”.

A nova pneumonia por coronavírus está em seu estágio inicial e de rápida mudança. A China divulgou a sequência completa do genoma do novo coronavírus que causa a pneumonia pelo novo coronavírus, o que ajudará cientistas globais e organizações de saúde pública a juntarem-se à investigação e desenvolvimento de reagentes de diagnóstico e à investigação sobre a patogenicidade do vírus. A Comissão Nacional de Saúde (NHC) emitiu o Aviso nº 1, incluindo a pneumonia infectada pelo novo coronavírus nas doenças infecciosas da classe B estipuladas na Lei de Prevenção e Controle de Doenças Infecciosas, mas toma medidas de prevenção e controle para as doenças infecciosas da classe A. doenças infecciosas e incluí-lo na gestão de doenças infecciosas sujeitas a quarentena.


Nível epidêmico

Em 28 de Fevereiro de 2020, o relatório diário da OMS sobre a situação da COVID-19 elevou os níveis de risco regionais e globais de "alto" para o nível mais elevado de "muito elevado", em linha com a China.

Em 11 de março de 2020, hora local, o Diretor-Geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus, anunciou que, com base na sua avaliação, a OMS acredita que o atual surto de COVID-19 pode ser chamado de pandemia.


Rota de Transmissão

De acordo com as notícias da CCTV, a conferência de prevenção e controle de epidemias de Xangai apresentou: Especialistas em saúde e prevenção de epidemias enfatizaram que as rotas de transmissão confirmadas da pneumonia pelo novo coronavírus são principalmente transmissão direta, transmissão por aerossol e transmissão por contato. A transmissão direta refere-se à infecção causada por espirros, tosse, gotículas falantes e gases exalados diretamente inalados de perto pelo paciente. A transmissão por aerossol significa que as gotículas se misturam no ar para formar aerossóis, o que pode levar à infecção após a inalação. A transmissão por contato refere-se a gotículas depositadas na superfície de objetos, que entram em contato com as mãos contaminadas e depois entram em contato com a boca, nariz, olhos e outras membranas mucosas, resultando em infecção.

Em 14 de junho de 2021, pesquisadores canadenses publicaram um artigo na revista britânica Nature Communications, descobrindo que o novo coronavírus pode infectar camundongos cervos norte-americanos e se espalhar entre camundongos.

Em 1º de dezembro de 2021, horário local, o Meio Ambiente e Mudanças Climáticas do Canadá emitiu uma coletiva de imprensa anunciando que, pela primeira vez, foi descoberto que animais selvagens no Canadá estavam infectados com o novo coronavírus.

Em 4 de maio de 2022, a rede americana Health Life News publicou um relatório informando que um estudo da Universidade de Michigan descobriu que a possibilidade de transmissão aérea do novo coronavírus é 1.000 vezes maior que a do contato com superfícies. Pesquisadores da Universidade de Michigan examinaram amostras de ar e superfície em campi universitários e descobriram que a probabilidade de inalação de partículas virais é maior do que a probabilidade de infecção pelo contato dos dedos.

Informação básica
  • Ano Estabelecido
    --
  • Tipo de Negócio
    --
  • País / região
    --
  • Indústria principal
    --
  • Produtos Principais
    --
  • Pessoa jurídica empresarial.
    --
  • Total de funcionários
    --
  • Valor anual de saída
    --
  • Mercado de exportação
    --
  • Clientes cooperados
    --

Envie sua pergunta

Anexo:
    Escolha um idioma diferente
    English
    한국어
    日本語
    русский
    français
    Deutsch
    Español
    Português
    Idioma atual:Português